Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oceano de livros

Como no mar, nos livros eu mergulho. me perco e me encontro, sinto-me em paz e acima de tudo sou mais autenticamente eu própria. In ocean or book, I dive in, I lose myself and find myself, but above all, it's when I more my real me.

Oceano de livros

Como no mar, nos livros eu mergulho. me perco e me encontro, sinto-me em paz e acima de tudo sou mais autenticamente eu própria. In ocean or book, I dive in, I lose myself and find myself, but above all, it's when I more my real me.

11
Out19

Desafio dos pássaros – Tema#5 - Estás na fila para o purgatório e Hitler está à tua frente. Ninguém o quer aceitar e a fila não anda. Escreve a tua intervenção para convencer um dos lados a aceitá-lo - Oceanodelivros.blogs.sapo.ptDesafio dos


Inês Norton

Já farta de ver aquela discussão entre céu e inferno, não me contive e resolvi a solução que pensara enquanto os via a discutir à minha frente:

- “Desculpem interromper, mas acho que posso ajudar. Posso dar a minha sugestão?” perante a indicação positiva eu prossegui:

- “Jesus ensinou o perdão 70x7, mas como é sabido, o Hitler foi responsável directa e indirectamente pela morte de milhões, logo não seria justo um perdão imediato, então existe este lugar entre o inferno e o purgatório, o umbral onde Hitler pode ser obsediado pelas suas vitimas durante 70x7 mil anos, após o que lhe é dada a hipotese de reencarnar e nessa reencarnação limpar o karma destes crimes. Se ele o fizer pode lhe ser permitida a entrada no céu, contudo se voltar a cometer outro crime contra qualquer seu irmão, então será directamente nviado para o Inferno. Deste modo pratica- se a justiça divina, a fila segue para as suas evoluções, regressões ou castigos, e quer o céu quer o inferno ficam com uns milénios livres do problema de Hitler.

Céu e inferno aprovaram a sugestão, a fila seguiu e eu segui o meu destino.

 

Inês d’Eça

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo